Capital

Ex-governador Silval Barbosa é intimado a depor na CPI do Paletó

Interrogatório será no dia 23 de fevereiro.

em 12/01/2018

O vereador Marcelo Bussiki (PSB), presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura suposto envolvimento do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB) no esquema de “mensalinho” pago pelo ex-governador Silval Barbosa, no período em que ambos ocupavam os cargos de deputado estadual e governador, respectivamente, disse que Silval já foi intimado a comparecer no interrogatório marcado para o dia 23 de fevereiro.

A confirmação foi dada durante entrevista ao programa Tribuna, da Rádio Vila Real, na segunda-feira (8). Nesta terça-feira (9), o advogado Délio Fortes Lins e Silva Júnior, que representa o ex-governador, disse ao Gazeta Digital que não tem acompanhado o caso porque está de férias e que não conversou ainda com seu cliente sobre a CPI.

Além de Silval Barbosa, o presidente da chamada “CPI do Paletó” – que faz referência às imagens de Emanuel Pinheiro recebendo maços de dinheiro do ex-chefe de gabinete do governo Sílvio César Corrêa Araújo - afirmou que este também foi intimado para prestar esclarecimentos no dia 16 de fevereiro. O advogado dele, Victor Borges, afirmou que seu cliente irá comparecer e reafirmar o que foi dito em sua delação premiada, firmada com o MPF.

Ouça a reportagem de Dalila Rodrigues:

Áudio

Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias