Capital

MP quer obrigar Seduc a contratar auxiliares para alunos especiais

Contratação de apoio escolar será em número igual ao de crianças com necessidades.

em 12/01/2018

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio da Promotoria de Justiça de Cotriguaçu, ingressou com ação civil pública com pedido liminar para que a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc), providencie a imediata contratação e lotação de profissionais de apoio escolar (auxiliar de turma) em número igual ao das crianças e adolescentes com necessidades especiais decorrente de transtornos neuromotores graves matriculados na Escola Estadual Aline Maria Teixeira, localizada no município de Juruena (880Km a Noroeste de Cuiabá).

Conforme a ação, quatro estudantes da escola encontram-se nesta situação e precisam de auxiliar de turma, já que necessitam de cuidados especiais, tendo em vista que têm transtornos neuromotores graves. Em 2017, a Seduc disponibilizou três profissionais de apoio, número insuficiente para atender a demanda, já que cada aluno precisa de um auxiliar em razão das dificuldades que tem para se alimentar, ir ao banheiro e se locomover. Além das crianças em questão, pretende-se que haja contratação de profissionais de apoio escolar em número igual ao de crianças com necessidades especiais que estejam matriculadas na Escola Estadual Aline Maria Teixeira.

Por: GD


Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias