FG ASSESSORIA

Por falta de repasses, servidores da Santa Casa decretam greve a partir de segunda

Os contratos atrasados chegam a quase R$ 7 milhões.

em 12/01/2018

Santa Casa

Com repasses atrasados desde outubro de 2017, os servidores da Santa Casa de Cuiabá entrarão em greve por tempo indeterminado a partir de segunda-feira (15). Os valores, em atraso pela prefeitura de Cuiabá, chegam a quase R$ 7 milhões e não há mais condições de manter os atendimento na unidade. A briga por causa dos repasses é frequente e a greve por parte dos hospitais filantrópicos contantes. “Os servidores decidiram pela greve, porque não tem mais como virem trabalhar. Os salários dos médicos plantonistas estão atrasados há três meses e dos funcionários há dois meses. Na greve serão mantidos apenas os 30% de servidores exigidos por lei”, explica o diretor da Santa Casa, Antonio Preza.

Conforme o diretor, todos os filantrópicos estão sofrendo, porém o calvário da Santa Casa é maior porque mantém leitos da retaguarda à disposição do Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC), o que representa alto valor de repasses. Somados, os contratos com a prefeitura que estão em atraso, totalizam R$ 6.800. Preza explica que todos os valores são repassados pelo Município, porém parte são de recursos próprios e parte repassado pelo Estado à Prefeitura e então ao hospital. Preza salienta o alto número de atendimentos realizados na Santa casa diariamente. "São cerca de 60 cirurgias, 34 internações e 170 consultas ambulatoriais financiadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS)", disse o diretor.

Por: Hipernotícias


Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias