Preço da gasolina sobe 1,9% na semana e bate novo recorde no ano, diz ANP

ANP levantou informações em 3.160 postos de combustível de todo Brasil.

em 12/09/2017

O preço médio da gasolina continuou a subir na semana passada e atingiu novo recorde do ano, de R$ 3,850 por litro. As informações são de levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP) divulgado nesta terça-feira (12) e se referem aos preços práticos nos postos de combustível brasileiros na semana encerrada no dia 8 de setembro.

As bombas refletem os reajustes feitos pela Petrobras nas refinarias. Em uma semana, a estatal aumentou em 2,06% o valor da gasolina na semana passada até sexta-feira. Os furacões que atingiram os Estados Unidos e Caribe na semana passada afetaram a produção de petróleo no Golfo do México e pressionaram os preços dos derivados de petróleo, como a gasolina, para cima em todo o mundo.

A Petrobras muda diariamente o preço do combustível na refinaria, mas a decisão de repassar ou não o valor para o consumidor é dos postos de combustíveis. Para calcular o preço da gasolina na semana, a ANP levantou informações em 3.160 postos de combustível em todos os estados brasileiros.

Etanol e diesel

O preço médio do diesel no país também subiu e ficou em R$ 3,150 na semana passada, de acordo com a ANP. Trata-se de um aumento de 1,58% em apenas uma semana. O diesel também sofre o impacto dos furacões nos EUA e Caribe. A Petrobras reajustou o valor do diesel na refinaria em 5,24% na semana até sexta-feira. Já o etanol teve queda de preços na semana e seu valor médio nas bombas foi de R$ 2,612, contra R$ 2,615 por litro na semana anterior, de acordo com a ANP. Para calcular o preço do etanol a ANP consultou os valores praticados em 2.870 postos de combustível. No caso do diesel, o levantamento considera 1.756 postos.

Tendências de preços

A Petrobras reajustou três vezes o preço da gasolina e do diesel nas refinarias desde sexta-feira. No sábado, a Petrobras aumentou novamente os preços dos dois combustíveis, mas reduziu os valores nesta terça-feira e terá nova redução de preços na quarta-feira. No acumulado do mês, já considerando as mudanças de preços previstas para amanhã, o preço da gasolina nas refinarias aumentou em 5,14%. Já o diesel subiu 4,8% no mês.

Por: G1


Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias