Austrália registra um caso de covid-19 e cidade decreta cinco dias de lockdown

Medida atinge dois milhões de pessoas

Um caso de Covid-19 fez as autoridades públicas colocarem 2 milhões de pessoas em lockdown na Austrália. De acordo com informações da France Press, o paciente era um segurança de hotel que havia sido contagiado em uma viagem ao exterior. Por conta disso, as autoridades da cidade de Perth decretaram cinco dias de isolamento. Em Melbourne, um funcionário do hotel na qual estão hospedados os tenistas do Australia Open também testou positivo para o coronavírus. Por lá, as medidas de restrição afetaram 500 pessoas.

A imposição de fechar serviços não essenciais em Perth e algumas regiões próximas durou cinco dias e terminou nesta sexta-feira (5/1). Durante o lockdown, foi permitido sair de casa somente para compras essenciais, necessidades médicas e trabalhos que não podem ser realizados remotamente.

Apesar das rígidas medidas de segurança adotadas, quatro casos de Covid-19 foram constatados pelas autoridades locais após o retorno do funcionário. Destes pacientes, dois estavam contaminados pela mutação do coronavírus detectada no Reino Unido e um foi infectado pela variante sul-africana.

O funcionário do hotel em Melbourne, onde estão hospedados os atletas e os organizadores da Australia Open, também havia retornado de uma viagem para fora da Austrália. O caso fez com que o governo local colocasse 500 pessoas em isolamento.

De acordo com o premiê do estado de Victoria, Daniel Andrews, o lockdown total foi descartado em Melbourne. A cidade adotou quarentena de 14 dias para pessoas que tiveram contato com indivíduos contaminados ou com suspeita de infecção por coronavírus, mesmo para aqueles com teste negativo para Sars-CoV-2.

A Austrália é um dos países referência no controle da disseminação do coronavírus, com 909 mortes e 28.838 casos registrados desde o início da pandemia, segundo a Universidade Johns Hopkins. Em Victoria, não havia registros de contaminação local há 28 dias.

Leia também

Deixe seu comentário!