Juarez Costa criticou apoio de Neri Geller a candidato de Bolsonaro.

Bancada de MT diverge sobre sucessão na Câmara Federal

A disputa pela presidência da Câmara Federal, em Brasília, colocou em lados opostos boa parte da bancada de Mato Grosso no parlamento, como os deputados federais Juarez Costa (MDB) e Neri Geller (PP). Costa defende o candidato Baleia Rossi, do mesmo partido dele. Geller apoia Arthur Lira, também progressista, do Estado de Alagoas. 

Juarez Costa criticou a postura de Neri Geller, que em campanha esteve com Arthur Lira, em Cuiabá, na semana passada, e assegurou que o candidato de Bolsonaro tem a maioria dos votos na Câmara. “Neri fala por ele e como cabo eleitoral do Lira. Eu falo pelo que vejo no dia a dia. Baleia construiu uma base grande de apoio. O parlamento não pode e nem deve ser um puxado do Planalto. O que eu vejo é que com a vitória do Baleia, teremos como construir um diálogo mais forte, para implementar as reformas primordiais para o país”, avaliou o deputado federal do MDB. 

Ao apontar que a Câmara não pode ser um “puxado do Planalto”, o emedebista garante que, ao contrário do que parece, a eleição na Câmara não é uma disputa entre o atual presidente Rodrigo Maia (DEM) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Baleia Rossi é do grupo de Maia e Lira tem o aval do presidente Jair Bolsonaro. “Para nós não tem disputa Maia-Bolsonaro. A disputa é Baleia e Lira”, assegurou Costa. 

Para Geller, o fato de Arthur Lira estar alinhado com o presidente e ter como propostas discutir questões que podem pôr fim a gargalos impostos aos estados produtores, como Mato Grosso, é uma vantagem para ele na disputa. “A Câmara precisa de voz que tenha autonomia para falar em nome dos deputados e levar à uma condução tranquila. Esse tem que ser o perfil do novo presidente da Casa. E Lira possui qualidades importantes de um líder: cumpre palavra, tem bom senso e é aberto ao diálogo”, defendeu Geller.

Juarez discorda e lembra que tanto Lira quanto Baleia sempre estiveram do mesmo lado em pautas de interesse do Poder Executivo. “Os dois sempre votaram com o Governo. O Baleia um pouco mais. Vejo que a vitória do Baleia é extremamente importante para o parlamento e para Mato Grosso. A bancada nacional do MDB é fechada com o Governo e tem um trânsito muito forte em Brasília. Baleia tem diálogo, carisma e comprometimento com a agenda Brasil”, garantiu Costa.

Segundo Costa, se eleito, Baleia Rossi pode manter o diálogo na Câmara Federal, sem problemas. “Baleia construiu o diálogo ao longo desses dois anos com os pares do parlamento. Ao contrário do que alguns pensam, na política vale a palavra. Sendo eleito, ele vai implementar o jeito Baleia de administrar. Diálogo, competência, carisma e respeito ao parlamento, Baleia tem de sobra. Os deputados e deputadas conhecem bem os dois candidatos e saberão escolher o melhor para Câmara. O melhor é o Baleia”. 

A Bancada Federal de Mato Grosso,  tem ainda o deputado Leonardo Albuquerque (SD), José Medeiros (Podemos) e Nelson Barbudo (PSL) do lado de Arthur Lira 

Já os deputados Rosa Neide (PT) e Carlos Bezerra e Emanuel Neto (PTB)  deverão votar em Rossi. 

 

Leia também

Deixe seu comentário!