A informação foi divulgada na tarde desta quarta-feira (22), 10 dias após o crime.

Disparo ocorreu 1,4 metro do chão e até 30 cm do rosto

Por Pablo Rodrigo e Vitória Lopes

Laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), entregue à Delegacia Especializada do Adolescente (DEA) nesta manhã de segunda-feira (11), aponta que o disparo dado pela adolescente que 14 anos que matou Isabele Guimarães Ramos, ocorreu a 1.44 metro do chão.

Reprodução
Reprodução

Conforme consta na conclusão do laudo, que a reportagem do  teve acesso, a menor que atirou posicionou-se frontalmente em relação à vítima, segurando a arma a uma altura de 1,44 metros do piso, com alinhamento horizontal e distância entre 20 a 30 centímetros da face de Isabele.


O laudo preliminar da Perícia Oficial e Identificação Técnica de Mato Grosso (Politec-MT) aponta que o tiro que matou Isabele Ramos ocorreu a curta distância e reto, saindo na horizontal.


A bala teria entrado e saído reto da cabeça da adolescente de 14 anos. A informação foi divulgada na tarde desta quarta-feira (22), 10 dias após o crime.


 apurou, com fontes do caso, que foram encontrados resíduos de pólvora no rosto da vítima, e que a distância entre a arma e a face da menor seria de no máximo 40 cm.

Leia também

Deixe seu comentário!