O deputado disse que a artista é de esquerda e causou aglomeração. Fãs lembraram que situação no país europeu está controlada

Eduardo Bolsonaro critica Anitta por show na Itália e web defende funkeira

*LUIZ PRISCO

Anitta Eduardo Bolsonaro

REPRODUÇÃO

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) usou o Twitter para atacar a cantora Anitta. Por conta da declaração do parlamentar, o nome da funkeira foi virou um dos assuntos mais comentados das redes sociais.

Segundo Eduardo Bolsonaro, Anitta fez show causando aglomeração. O parlamentar também falou sobre Gabriela Pugliesi.

“Nesta pandemia, teve blogueira atacada ao fazer festa em casa, perdendo patrocínio e saindo das redes. Mas nada disseram sobre a cantora que fez show e causou aglomeração – ambas são de esquerda. A esquerda mente que dá exemplo, mas não consegue, sua hipocrisia sempre vence”, diz Eduardo.

TWITTER/DIVULGAÇÃOEduardo Bolsonaro

O deputado fez referência ao show de Anitta na Itália, onde cantou ao lado do cantor Fred de Palma. Os dois lançaram o single Paloma recentemente.

A fala do deputado gerou críticas dos fãs da cantora:

 

 

Apesar da crítica do deputado Eduardo Bolsonaro, a Itália está com a situação da pandemia de Covid-19 controlada – após ter sido um dos países que mais sofreu com o novo coronavírus.

Dados mais recentes, medidos nesse domingo (9/8), da Universidade John Hopkins, na Inglaterra, mostram que a Itália registrou 2 mortes em 24 horas e 463 novos casos. Em comparação, no mesmo dia, o Brasil teve 572 mortes e 23.010 novos casos.

Desde fevereiro, o país europeu registrou 205 mil casos, com 35 mil mortes.

Influencer cancelada

O caso da influencer Gabriela Pugliesi também foi citado pelo deputado Eduardo Bolsonaro. A blogueira fitness fez uma festa em abril e, por conta da repercussão negativa, abandonou as redes sociais.

Três meses depois, ela retornou ao Instagram, pedindo desculpas pelo ocorrido em um vídeo.

Leia também

Deixe seu comentário!