Sintep marca assembleia para decidir sobre greve dos professores em MT

O sindicato defende vacinação dos trabalhadores da educação para retorno das aulas no estado

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) marcou para a próxima sexta-feira (21.05) uma Assembleia Geral virtual com indicativo de greve na pauta.

No chamamento para a assembleia geral, o sindicato aponta que com suspensão dos trabalhos remotos, caso o governo estadual insista na retomada das atividades presenciais nas escolas, antes que os trabalhadores estejam imunizados, os profissionais entrarão em greve. 

O presidente do Sintep, Valdeir Pereira, orienta que os trabalhadores da educação desconsiderem a portaria nº 333, da Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc-MT), que definiu o retorno das atividades remotas presenciais nas escolas a partir desta segunda-feira (17.05). 

No pronunciamento em vídeo que divulgado nas redes sociais do Sintep, o presidente aponta que o Sindicato atua para a continuidade dos trabalhos remotos, em home office.

"Assembleia Geral votará os encaminhamentos que terá como pauta a defesa pela vida e a necessidade urgente do governo assegurar aos estudantes equipamentos e conectividade para participarem das aulas remotas", destacou.

Os profissionais apontaram que as escolas não possuem estrutura para higienização, com falta inclusive de sabonetes nos banheiros e demais materiais de higiene. Os trabalhadores citaram que os profissionais em atividade nas unidades não receberam equipamentos de proteção individual, testagem, ou protocolo sanitário para quando o servidor é diagnosticado com covid-19 na escola.

"É preciso reafirmar aos trabalhadores que a covid-19 quando comprovada a contaminação no ambiente de trabalho é considerada como acidente de trabalho", destaca Valdeir.

Os trabalhos foram concluídos com agenda de lutas e atividades da Central  Unica dos Trabalhadores (CUT) e Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE). A decisão foi tomada no Conselho de Representantes da categoria, encerrado domingo (16.05), após dois dias de debates.

Leia também

Deixe seu comentário!