Suspeito de estupro contra irmãs de 11 e 15 anos é preso pela Polícia Civil

As investigações iniciaram no dia 20 de maio, quando o pai das vítimas procurou a Delegacia.
Foto: Reprodução/PJC

Um homem identificado como autor de estupro cometidos contra duas irmãs menores de idade em Poconé (104 km ao sul de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (21.06). O suspeito de 20 anos abusou sexualmente das irmãs, de 11 e de 15 anos de idade e responderá pelos crimes de estupro de vulnerável e estupro.

As investigações iniciaram no dia 20 de maio, quando o pai das vítimas procurou a Delegacia de Poconé para relatando que as vítimas foram abusadas sexualmente e continuavam sendo assediadas pelo suspeito.

Segundo as informações, uma das menores brincava na rua, quando foi abordada pelo suspeito que a chamou para ir até o seu local de trabalho onde ocorreram os abusos. O mesmo fato também teria ocorrido com a irmã mais velha.

Durante as investigações, as meninas foram ouvidas e confirmaram os abusos, relatando que o suspeito tirava a roupa delas e praticava os atos libidinosos, chegando a consumar a conjunção carnal com a mais velha e tentar contra a mais nova.

Após a prática dos abusos, o suspeito continuava mandado mensagens para as menores através do aplicativo whatsapp, pedindo vídeos pornográficos e dizendo que queria manter relações sexuais com elas. Ao serem ouvidas, as menores demonstraram muito envergonhadas e amedrontadas com a situação.

Diante dos fatos, o delegado Maurício Pereira Maciel representou pelos mandados de busca e apreensão e prisão preventiva do suspeito que foram deferidos pela Justiça. O mandado de prisão preventiva foi cumprido nesta segunda-feira (21), na tornearia do pai do suspeito em Poconé.

Ele foi conduzido à Delegacia de Poconé, onde foi interrogado e tomadas as providências de praxe para cumprimento do mandado.

 

Assessoria 

Leia também

Deixe seu comentário!